site design templates
Mobirise

Como transportar o seu cão no carro

Com a chegada das férias e a perspetiva de viagens de automóvel, nada como lembrar as regras para transportar o seu animal de companhia no carro.

Não existe no Código da Estrada qualquer regulamentação para o transporte de animais de companhia no automóvel, referindo-se apenas que o transporte deve ser feito de acordo com a espécie e que os animais devem estar acondicionados de forma a que o seu bem-estar não esteja comprometido.
Ao não regulamentar de uma forma clara, o legislador acaba por equiparar o transporte de animais de companhia a carga (artigo 56.º), pelo que a única restrição imposta aplicável é que não prejudique a condução. Contudo, está sempre dependente da avaliação que um agente da autoridade faça da "perturbação" que o seu cão pode estar a provocar quando solto no carro, podendo incorrer numa coima que pode oscilar entre os 60€ e os 600€.
Independentemente da lacuna legal na definição clara do transporte de animais, deve garantir a segurança do seu animal de companhia, bem como a de todos aqueles que o acompanham na viagem.
É extremamente perigoso viajar com o seu cão solto no interior do automóvel. Para a segurança de todos, o cão, como qualquer passageiro, deve ter um lugar reservado e deve ir preso, evitando assim qualquer interferência na sua condução ou projeção em caso de acidente ou despiste.
CAIXA TRANSPORTADORA
A forma mais segura e confortável de transportar o seu cão é numa caixa de transporte adequada ao seu porte. Desta forma, o seu cão vai em segurança com a possibilidade de alguma mobilidade.
CINTO DE SEGURANÇA
Se necessitar da mala para transportar bagagem, então acomode-o no banco traseiro, sempre com o cinto de segurança. Encontra facilmente no mercado adaptadores para cintos de segurança, que devem ser presos a peitorais e nunca a coleiras (uma travagem mais brusca pode ter consequências muito graves se o seu cão for preso pela coleira).
Uma vez criadas as condições de segurança, não se esqueça de algumas regras básicas para a sua viagem:

  • Não alimente o seu cão até duas horas antes da viagem, para evitar enjoos e vómitos.
  • Leve um recipiente para lhe dar água.
  • Faça paragens regulares para o seu companheiro esticar as patas e fazer as necessidades.
  • Nunca deixe o seu cão fechado no carro, mesmo que os vidros estejam ligeiramente abertos.
  • Treine previamente o seu cão a ficar relaxado durante as viagens de carro.