Porque deve passear o seu cão de trela?


São essencialmente três os motivos para passear o seu cão pela trela: cumprimento da lei, segurança e respeito.

Porque deve passear o seu cão de trela?


Primeiro ponto: por lei, não pode passear o seu cão sem trela. Não interessa aqui se a lei faz sentido ou não - simplesmente não pode.


Por muito bem treinado que esteja o seu cão, não pode garantir que ele não sairá a correr e atravessará uma rua. Um outro cão, um gato, uma bola a saltar ou uma cadela com o cio podem ser suficientes para que o seu cão saia disparado, por muito treinado que esteja. Por isso, por uma questão de segurança, mantenha-o sempre na trela.


Mas a segurança também se estende aos outros, bem como o respeito. Já imaginou como se sente uma pessoa com medo de cães e que se cruza com o seu cão solto? Não interessa se o seu cão é meiguinho! Aquela pessoa simplesmente tem medo de cães e não deve ser obrigada a passar por uma situação stressante apenas porque você decidiu colocar o seu cão em risco e passeá-lo sem trela.


Por outro lado, o seu cão pode aproximar-se de um outro cão, preso pela trela, que é reativo a cães, por exemplo. Ao passear o seu cão solto, está a colocar o outro tutor numa situação bastante difícil, ao ter que gerir as ansiedades e a agressividade do seu próprio cão apenas porque você se achou no direito de passear um cão sem trela.


Quer que o seu cão corra livremente no parque? Então compre uma trela ou uma corda de 25 m ou mais e mantenha a extremidade na mão. O seu cão terá a folga suficiente para correr e você poderá controlar sempre a situação.


Não se esqueça: por uma questão de segurança e de respeito, pelo seu cão e pelos outros, passeie sempre o seu cão pela trela!


Voltar



© Dogs in class. Todos os direitos reservados